4º mês 5º mês Ben

Volta ao trabalho: Dia 2 – o retorno de Morena

Na sexta-feira entramos mais tarde no trabalho, 9 horas. Acordei no mesmo horário de sempre e tirei 100 ml de leite com a bombinha elétrica. Depois, começamos a nos arrumar da mesma forma que no dia anterior. Saímos de casa levemente atrasados, às 8h35 – não moramos muito longe do Centro, mas nossa região temContinue Reading “Volta ao trabalho: Dia 2 – o retorno de Morena”

4º mês Ano 1 Ben

Volta ao trabalho: Dia 1 – a volta dos que não foram

Acordei às 7h, 20 minutos mais tarde que o despertador. Tomei banho, sequei o cabelo (só a franja), fui comprar pão. Pedi ajuda ao queridíssimo que arrumasse o Ben. Na rua, morri de frio e quis colocar mais uma roupa no Ben. Às 7h20 mais ou menos “soldado Ben Ferreira pronto senhora!”, e ele foiContinue Reading “Volta ao trabalho: Dia 1 – a volta dos que não foram”

4º mês Ano 1 Ben

Alguém me abraça?

Source: Uploaded by user via Bárbara on Pinterest ****alerta para post grande!!*** Então é isso. Quem segue o blog lá no Facebook acompanhou o meu drama de saber ontem (14/05) que eu terei que voltar ao trabalho amanhã (16/05). Ainda estou colocando as coisas em ordem, e principalmente a cabeça, para que tudo se resolvaContinue Reading “Alguém me abraça?”

4º mês Ben Didicas

Yes we can!

    Hoje foi um marco na minha busca por garantir que o Ben complete seis meses de Aleitamento Materno Exclusivo: coloquei no congelador o primeiro potinho de leite materno! Depois de uma semana experimentando e treinando, e me frustrando e comemorando cada ml, finalmente achei que era hora. Esterilizei tudo seguindo as instruções doContinue Reading “Yes we can!”

4º mês Ano 1 Ben

No meio da rotina tinha um salto…

tinha um salto no meio da rotina. Não posso afirmar que o Ben algum dia já teve uma rotina. Mas funcionava mais ou menos assim: ele acordava para o mundo às 8h, perto das 10h já demonstrava sinais de cansaço. Mamava e dormia, às vezes até 10h30, às vezes até 11h. Nessa hora eu começavaContinue Reading “No meio da rotina tinha um salto…”