Uncategorized

O causo da Van escolar e a maternidade possível. 

Então o Ben passou a ir de van pra escola. 

Eis que depois de dois anos julgando mentalmente as mães que mandavam seus filhos pra escola antiga do Ben de transporte escolar, eu levei um cuspe bem no meio da testa. 

Não sem antes sofrer, não sem antes me sentir culpada. Não sem antes resistir muito à ideia. 

Eu particularmente adoro o ambiente escolar. Faço questão de conversar com professora, auxiliar, tia da porta, secretária… Gosto de ir levar o Ben, ver como ele fica quando chega, observar como ele está no final do dia… Mesmo que em geral as chegadas e saídas se resumam a “oi, tudo bem?”, “Tchau, até amanhã”. 

Mas acontece que esse ano entramos em uma escola nova, uma creche municipal (tema para outro post 😅). E só conseguimos vaga pra ele em uma escola a 8 km de casa, em um lugar muito contramão pra nós. 

Como eu disse no último post, Queridíssimo tem trabalhado à noite, e o horário de saída da escola acabava fazendo com que ele só conseguisse trabalhar a partir das 20h e madrugada adentro (no dia seguinte, todo mundo de pé às 6h30!)​. Como temos um carro só (e nem pretendemos ter outro), comecou a ficar cada vez mais complicado buscar o Ben na escola. 

Por isso começamos a namorar a possibilidade de contratar a van escolar pro horário da volta. O que mais contribuiu para decidirmos foi o fato de que praticamente toda turminha dele vai embora na van (que eles chamam de Topíc, lembram? 😂). Aliás diversas vezes quando chegamos para buscar o Ben, estava só ele na escola. Nossa meta diária era chegar antes da Van, o que era quase impossível e sempre inviabilizava nossa tarde. Porque o horário limite da creche é 18:30, mas a van passa às 17:45 pra buscar as crianças! 

Bom, sei que depois de muita luta interna tive que me conformar com o possível. Existe o ideal? Sim, o ideal pra mim era levá-lo e buscá-lo pessoalmente todos os dias. Mas especialmente com bebê pequeno a tira-colo ficou inviável. Então tive que me contentar com o possível.

A maternidade possível. É com ela que temos que lidar diariamente, não com a maternidade ideal. Levei 4 anos e 5 meses pra me dar conta disso. 

E daí o menino gostou tanto da ideia de voltar de van, que pediu pra também ir com os amiguinhos pra escola!

E nós ficamos como? Tranquilos e aproveitando a comodidade de entregar e receber o pequeno, feliz, na porta de casa!

Registro do primeiro dia de van
Espalhe por aí:
Facebook Twitter Email

Comentários do Facebook (ou se preferir, deixe seu comentário ali embaixo)

Comentários

1 thought on “O causo da Van escolar e a maternidade possível. ”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *