We
7º mês Ano 1 Ben

We <3 introdução alimentar!

Gente, que delicia que é essa história de introdução alimentar!

Confesso que quando o Ben completou seis meses eu estava sem pressa nenhuma de iniciar a introdução alimentar. Achei complexo, achei difícil, deu preguiça, e o peito sempre foi tão prático! Mas aí três dias antes de ele fazer seis meses tivemos uma consulta, ele tinha engordado pouco, a pediatra fez uma pressãozinha, e no dia seguinte demos a primeira porção de maçã. Que foi aceita sem maiores dramas.

Logo na primeira semana ele já começou a comer 1 porção de fruta na escola, e isso começou a transformar nossa relação com a amamentacaoXtrabalho. À medida que fomos introduzindo uma nova porção de comida ao longo do dia, mais tranquila eu ficava de deixá-lo na escolinha.

Um dia cheguei lá na hora do almoço e ele estava uma brabeza só. Aí a professora comentou que ele ficava enlouquecido quando os amiguinhos comiam o almoço e ele não! Aí passei a mandar 4 refeições por dia!

Mas na agenda invariavelmente vinha a anotação ao lado das refeições: “fruta: pouco”; “Salgado: tudo”.

E descobri que a fruta aqui caiu longe do pé: enquanto a mamãe é doida por doces, temos um pequeno comilão que prefere as papas salgadas!

E voltando ao inicio do post, que delicia que é dar as comidinhas pra ele! As frutas no inicio não fizeram muito sucesso. A banana é unanimidade, mas outros clássicos como mamão e maçã nem sempre ele curte. Ontem dei uva descascada e cortada em 4 sem sementes e ele se amarrou! (Aliás, definição de amor de mãe: descascar uva e cortar em 4! Haja paciência!)

Já as papas salgadas, ah as papas salgadas… É a coisa mais linda de se ver: ele come com gosto, abre o maior bocão, pede mais e come tudo. Que delicia! (Não é a toa que já comeu até passar mal!)

Chegou um momento em que nós dois dividimos a mesma refeição. Tem coisa mais gostosa?

Eu não estou seguindo nenhuma técnica, teoria ou regra na introdução alimentar. A única regra é: proibido açúcar, sal e mel. De resto, vou seguindo meu instinto.

Assim, ele já comeu arroz com feijão, rúcula, carne, frango, uva, suflê de abobrinha, biscoito de polvilho, pão e suco de melancia. Esses três últimos foram exceções que abri quando achei conveniente.

Apesar de não seguir nenhum manual, não vejo sentido em dar papinhas prontas, petit suisses, farinhas em geral. Alias, vamos evitar os industrializados enquanto for possível. Afinal, é tão mais gostoso e barato comer uma comidinha fresca! Depois, na medida da curiosidade dele/necessidade/possibilidade, vamos ampliando o leque.

Espalhe por aí:
Facebook Twitter Email

Comentários do Facebook (ou se preferir, deixe seu comentário ali embaixo)

Comentários

9 thoughts on “We <3 introdução alimentar!”

  1. Essa nova fase é muito legal!!! O Mateus tb é bem parecido com o Ben, não curte tanto as frutas conforme a papa salgada. Adora feijão!!! Depois de comer não pode ver a gente com o nosso prato que fica com o maior olhão!!! Ele tb ama as frutas cítricas, chupa laranja lima e tangerina depois de tirados todos os caroços! Amanhã ele faz 8 meses!!! Bjos

  2. Ah, que beleza! Li o post da Dani com a Laura se adaptando à caminha nova, e agora você comemorando o sucesso da alimentação do Ben… agora segura a empolgação e a ansiedade (boa) dessa barriga de 19 semanas, hehe!

Deixe uma resposta para Amanda Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *