Uma noite como outra qualquer…
6º mês Ano 1 Ben

Uma noite como outra qualquer…

No capítulo anterior, eu fiz uma papinha tão gostosa, mas tão gostosa que para não desperdiçar resolvi mandar toda a quantidade para a escolinha. Contando com o desperdício que rola a cada tentativa de alimentar esse pequeno, orientei darem metade pela manhã e a outra metade à tarde. Só que cada metade dessa tinha muito mais do que o tamanho da mãozinha do Ben fechada (que é o tamanho do seu estômago). Dito isso, vejam só como foi a noite testa segunda-feira:

12h – preciso conta que ao meio dia, fui amamentar na escolinha, e a professora contou que teve que parar de dar a papinha, mesmo ele querendo mais, pois não iria sobrar para a janta (que é servida às 16h).

17h30 – Fui buscá-lo e já começou a trolagem por aí: ele tinha feito cocô às 17h, e estava, vejam só, sendo trocado novamente porque tinha feito outro cocô! Enquanto a auxiliar trocava sua fralda, a professora contou que o Ben tinha comido toda a papinha. E que ainda por cima ficava abrindo e fechando as mãozinhas querendo mais! (cosamaisfofa!)

Olha só que glutão! E ele nos olhava sério, sem muita reação na verdade.

17h50 – Fomos pro carro. Ele chorou quando o coloquei na cadeirinha. Resolvi oferecer o peito. E ele mamou. Bastante.

18h – Parou de mamar, ofereci mais, ele me olhou, começou a tossir (está com uma tosse horrível)

18h01 – VOMITOU. TUDO. JATOS. Como eu disse no Facebook: em si, no carro, na minha roupa, no meu melhor casaco.

18h05 – Voltamos para escolinha e lá as auxiliares me ajudaram a dar um banho de lenço umedecido nele e em mim (detalhe que limpamos ele com algodão, então o lenço umedecido no caso era alheio). A essa hora, ele ria muito, parecia muito leve e faceiro. Imagina o quanto aquela papinha de batata cenoura e frango estava pesando na sua barriguinha!!

18h14 – Viemos para casa.

19h – Chegamos em casa e direto para o banho.

19h05 – Ao terminar de tirar a fralda, que por sinal estava seca, comentei com ele “não deu nem tempo de molhar a fralda, hein filhote?”. Foi olhar para o lado para largar a fralda e senti o quentinho de um jato de xixi na perna. Sim, a mesma calça que já estava vomitada. Isso sem falar na nossa cama molhada!

19h10 – Vamos para o banho.

19h15 – Ben descobriu o que acontece quando bate suas mãozinhas na água! Agua para todos os lados! Tive que fechar o box para não encharcar o chão. Mas não posso dizer o mesmo da minha calça-que-já-estava-suja-mesmo.

19h20 – Findo o banho, pijama, peito e cama.

Ufa!

Espalhe por aí:
Facebook Twitter Email

Comentários do Facebook (ou se preferir, deixe seu comentário ali embaixo)

Comentários

8 thoughts on “Uma noite como outra qualquer…”

  1. hahahahahahahaha Ben trollador total!!!!!!!
    que foooofooo!!!

    Às vezes eles vomitam por conta da tosse também…. de qualquer forma, se ele ficou bem depois, está ótimo, põe tudo pra fora mesmo.
    Uma vez a Laura mamou 300ml de mamadeira (pq eu dava a mais, para sobrar na mamadeira mesmo, era a orientação….), quando a coloquei no meu ombro, ela começou a se contorcer e tals… achei que ela estava com o corpo ruim, coloquei no berço…. e, claro, foi vômito em mim, na minha face, no meu peito, no meu roupão quentinho, no berço, colchão, na madeira, no chão, nela, no seu saco de dormir, em tudo… um horror.
    Mas tudo isso passa e sentimos taaaaaaaaaaanta saudade depois……………

    Beijos grandes!!!

    1. Pois é, tadinho… mas essa é uma lição que a gente só aprende passando por isso. Minha irmã já tinha me contado algo parecido que aconteceu com minha sobrinha (que comeu todo o mamão papaya, pensa na fralda depois!!). E eu não aprendi!
      Beijos

Deixe uma resposta para Dani Rabelo Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *