A adaptação na escolinha
5º mês Ben

A adaptação na escolinha

Então ontem começamos a adaptação do Ben na escolinha. E até que tem sido mais simples do que imaginei!

Claro, o Ben ja se acostumou a ficar longe da mamãe (snif), a mamar em horários definidos (snif snif), a ter outros colos para entretê-lo (sniiiiiiiiiiif). Então, acho que ele vai tirar tudo isso de letra.

Eu também estou mais tranquila, pois como a escola é bem pertinho do meu trabalho (exatos 6 minutos caminhando), e poderei ir amamentar várias vezes ao dia.

Nesses primeiros dias, nos encontramos no meu horário de almoço, ele mamou bem mamadinho, e depois começou a adaptação. No primeiro dia, logo após dar de mamar, entreguei o Ben à professora Marina. Tão pequenininho, tão miúdo, ele foi tranquilamente, me deu uma última olhada como quem não entendia nada, e ‘sentou’ junto aos coleguinhas para brincar.

Começou com uma hora no primeiro dia, e depois duas horas no segundo. Amanhã serão três horas, e acho que vai ser a prova de fogo, pois na terceira hora ele provavelmente terá sono. Em princípio, choveram elogios, tanto da profe quanto da coordenadora (disse que todas estão apaixonadas pelo Ben!). E hoje ele voltou pra casa com uma agenda. Tá um moço esse menino!!

Ontem, depois da adaptação, o Ben foi me encontrar no trabalho para a mamada do meio da tarde. Fico tão feliz de poder amamentar mais de uma vez no meio do dia! Estou com a impressão de que ele perdeu peso nesse processo todo, e meu coração fica desse tamanhinho toda vez que penso nisso… Isso porque ele ainda não aceita 100% o LM no copo. A vovó faz mil estripulias para conseguir que ele tome um pouquinho. Ele até toma, mas aos trancos e barrancos… Mas tudo vai mudar agora, vamos reverter isso.

Depois, quando ele estiver pronto, retomamos essa questão do copo e iniciamos a introdução alimentar.

Espalhe por aí:
Facebook Twitter Email

Comentários do Facebook (ou se preferir, deixe seu comentário ali embaixo)

Comentários

4 thoughts on “A adaptação na escolinha”

  1. Olha, De., essa parte é difícil, mas fico feliz por vc poder acompanhá-lo na adaptação e poder vê-lo durante o seu trabalho, isso é ótimo!!! Amamentar é fantástico, mas eu acho que o maior ganho de todos é dar uma parada no trabalho e ficar 10 ou 20 minutos com o seu baby, nossa, seria ótimo se eu conseguisse ter isto ainda hoje.

    Torcendo para que tudo dê certo por aí!

    beijos grandes!

    1. Obrigada Dani. Realmente é uma delícia poder encontrá-lo no meio do dia. Assim consigo ter uma ideia de como está sendo o diazinho dele por lá. É ótimo!
      Beijos

    1. Ola, eu fiquei morrendo de ciúmes quando ela falou que deitou no colchãozinho para ajudá-lo a dormir. Mas aí fiquei feliz de saber o tamanho do carinho que elas dedicam a ele!
      Beijos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *