Uncategorized

Onde dormem as crianças?

Ben dorme no nosso quarto. Existem milhões de opiniões prós e contra esse hábito. E a minha opinião é simples: colocar o bebê para dormir no mesmo quarto dos pais é o mais prático para uma mãe que tem que acordar diversas vezes durante a noite para atender um pequeno faminto.

Ben não chora quando acorda no meio da noite. Eu acordo com seus gemidinhos e movimentos de quem procura um peito. Se eu deixá-lo chorar (acho que nunca consegui deixar chegar a esse ponto), aí é tarde demais e ele desperta demais e vai demorar mais de hora para voltar a dormir. Por isso, precisamos fazer o mínimo de movimentos nessas acordadas da madrugada.

Aqui dorme o Ben
Aqui dorme o Ben

No nosso antigo apartamento, fizemos um quarto lindinho pra ele, azul com uma faixa laranja no meio, guarda-roupa com detalhes em laranja e o berço. o quarto nunca foi usado para dormir uma noite inteira. E pouquíssimas vezes para as sonecas.

Na casa nova, optamos por já montar o berço no nosso quarto. Felizmente, ele é vários metros quadrados maior que o do apartamento. No quartinho do Ben, colocamos seu guarda-roupas e o nosso provisoriamente, e um colchão no chão onde ficam seus brinquedos. A ideia é fazer um quartinho para as sonecas diurnas, e quando ele começar a se mexer mais, possa acordar e brincar com seus brinquedos e até sair da cama e do quarto sozinho. Vamos ver se isso vai funcionar no futuro…

Me inspirei para contar essa história depois que vi essas fotos do livro Where Children Sleeppublicado nesse fim de semana no blog Esconderijo. Convidado para escrever sobre os direitos das crianças, o fotógrafo James Mollison se lembrou de quão importante era o seu quarto durante a infância, e o quanto ele representava o que ele tinha e o que ele era.

O resultado é um chocante retrato da diversidade existente nas condições de vida das crianças ao redor do mundo. Dá uma olhada:

Espalhe por aí:
Facebook Twitter Email

Comentários do Facebook (ou se preferir, deixe seu comentário ali embaixo)

Comentários

10 thoughts on “Onde dormem as crianças?”

  1. Aqui em casa, minha filha dorme no meu quarto. Simplesmente porque dorme. Sem qualquer grande teoria sobre o assunto.
    Mas meu quarto, de quando criança, tem um significado especial para mim. Amava!
    Mas cada um faz o que acredita ser melhor!

    Patricia

    1. Também acho, Patrícia! Antes eu dizia que nunca o deixaria dormir no meu quarto, mas até agora é assim que tem funcionado. Quem sabe um dia ambos estaremos maduros e confortáveis o suficiente para a separação, né?

  2. Ei, De… Tinha “perdido” o endereço daqui… aí hoje lembrei (na verdade senti falta dos seus posts) e fui procurar…
    Já adicionei, e não perco mais…
    Vou me atualizar das coisas!!!
    Bjnhos

    1. Oi Martha, que bom que me encontrou de volta, fico feliz!! Faz assim, assina para receber por e-mail ali no lado. Assim não nos perdemos mais! Beijos

  3. Oi De, o Mateus dormia no meu quarto em um Moisés que acopla no carrinho da Galzerano, era perfeito pq moro em um “apErtamento” onde não da pra montar um berço em meu quarto. Quando ele fez 3 meses já estava muito comprido e mal dava pra se mexer no Moisés, tadinho…
    Cama compartilhada não dava pra ser no meu caso pq eu e meu marido não temos sonos tranquilos, é um tal de se mexe daqui, se joga dali, não podia enfiar o Mateus nesse meio senão ou não dormiríamos, ou o Mateus seria sufocado, rsrs…
    Como ele já dorme a noite inteira desde os 2 meses, salvo as épocas de crises, decidimos que ele dormiria no seu lindo quarto de ursinho marinheiro, já que temos babá eletrônica com câmera. Apertou demais meu coração, mas fui em frente. Deixei a babá na minha cabeceira e confesso pra você que fiquei 2 noites sem dormir com os olhos pregados na tela. Faço o ritual do sono e o colocava no berço após dormir, esta semana estou treinando ele adormecer sozinho no berço (comigo ali do lado) e tenho conseguido. Ele acorda no máximo 2 vezes a noite, o que não é trabalho pra mim, pq meu sono é leve e sempre estou me levantando pra ir ao banheiro mesmo. Quando ele acorda por volta das 2h eu o ajeito no berço, coloco a chupeta e ele volta a dormir até as 5h que é o horário habitual que dou mamá pq meus peitos estão “explodindo”, depois ele volta a dormir de novo até + ou – 8h.
    Como já disse, no início meu coração ficou apertadinho, mas está sendo melhor pra todos nós aqui!!! Cada família encontra a sua melhor maneira de lidar com o sono dos pequenos!!!
    Desculpe o imenso texto… Curto muito seu blog!
    Bjos!!!

    1. Então Amanda, meu marido bem queria que o Ben dormisse no quarto dele. Mas ele acorda 2, 3 vezes à noite e muitas vezes adormece é na minha cama mesmo (só acordamos na próxima mamada). Aí prevaleceu a minha opinião. Queria mesmo aprender a ensiná-lo (!!!) a dormir sozinho. Depois me conta como tu fazes?
      Só que ele não tem chupeta, então não sei se funcionaria…
      Beijos

      1. Após o banho e a mamada (já na luz fraquinha) ele fica bem sonolento, aí eu o coloco no berço. Pensa que ele dorme?! Ele arregala os olhos de vez! Rsrsrs… Daí eu começo a fazer carinho, coloco um paninho que ele gosta ao seu lado e aos poucos ele vai se acalmando e dorme. Não demora mais do que 10 ou 15min. Tem que ter paciência, se ele começasse a chorar eu o pegaria no colo, mas ainda não aconteceu. Acho que ele já se acostumou com o horário de dormir. A chupeta até ajuda a acalmar, mas ele cospe logo e muitas vezes nem sente falta…
        Dou maior força pra você “ensinar” ao Ben, o bem é que mesmo de dia quando estou atarefada, quando o Mateus sente sono, ele adormece sozinho onde estiver!!!
        Boa sorte!
        Beijos!!!

        1. Ah.. acho que aqui não funcionaria, porque ele já dorme na mamada pós-banho. E na da tarde, eita, acabei de passar 1h30 tentando fazê-lo dormir, só consegui dando uma volta de carrinho na rua 🙁

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *