Reflexões

Semeando sorrisos (ato 1)

Ontem estávamos voltando de viagem, e ao separar as moedas para pagar o pedágio (R$1,20), encontrei algumas moedinhas de chocolate. Então tivemos uma ideia!

Queridíssimo entregou todas as moedas referentes ao valor do pedágio e, no meio delas tinha uma moedinha de 50 centavos de chocolate.

A moça de olhar cizudo e boca séria apanhou o punhado de moedas e virou-se para o caixa para contá-las.

Ficamos observando.

Quando se deu conta de que tinha uma moedinha de chocolate no meio, abriu um sorrisão.

“Pode ficar com o troco.” – ele disse.

Ela virou-se totalmente para nós, entregou o recibo com um sorriso aberto e desejou boa viagem.

Foi tão legal!

 

Espalhe por aí:
Facebook Twitter Email

Comentários do Facebook (ou se preferir, deixe seu comentário ali embaixo)

Comentários

0 thoughts on “Semeando sorrisos (ato 1)”

      1. Bem isso! No meu caso, uma das pessoas no carro de trás pra quem paguei o pedido, acabou saindo do carro e vindo me agradecer, me contando a história do momento dificílimo que estava vivendo, perdendo a visão rapidamente (era quase cega) e me explicando o impacto que meu gesto teve justo naquele dia. Não fiz pensando em nenhum tipo de recompensa, mas acabou sendo extremamente gratificante colocar um sorriso no rosto de alguém desta forma tão inesperada e plantando uma sementinha de esperança. Encheu meus olhos de lágrimas. Gestos simples podem sim ter um grande impacto. 🙂 Amei sua idéia! Vou tentar reproduzir. Bjs.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *