Na mídia

Nascimento de gêmeos aumenta 17% no País em menos de uma década [Estadão]

Porque antigamente era muito mais legal e diferente ser gêmea! Espero que o nascimento de canhotos não se popularize também… porque o legal é ser diferente 🙂

Clarissa Thomé e Sara Duarte, especial para O Estado

RIO – Na contramão do encolhimento da população em geral, o número de gestações de gêmeos, trigêmeos e até quadrigêmeos aumentou no País, impulsionado pela popularização do uso de métodos de reprodução assistida. Em sete anos, houve um aumento de 17% nesses nascimentos.

Os dados são da Pesquisa do Registro Civil 2010, divulgada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Eles mostram que a proporção de brasileiros nascidos de partos múltiplos passou de 1,59% em 2003 para 1,86% do total de partos em 2010. Ou seja, a cada ano, nascem mais de 51 mil múltiplos.

Clique aqui para ler a matéria completa.

Espalhe por aí:
Facebook Twitter Email

Comentários do Facebook (ou se preferir, deixe seu comentário ali embaixo)

Comentários

0 thoughts on “Nascimento de gêmeos aumenta 17% no País em menos de uma década [Estadão]”

  1. Olá!!! Pois é, aumentou mesmo! Mas ó, isso é por causa das inseminações artificiais, como diz a matéria! Acho que os canhotos vão continuar sendo “diferentes” pq ninguém sai por aí “fabricando” em laboratório filhos canhotos, mas gêmeos, sim! rsrsrs

    Ah, eu sou canhota! =D E amo ser canhota

    Beijos!

Deixe uma resposta para bemquesequis Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *